Conheça 5 tipos de telhados e suas características

Está em dúvida sobre quais tipos de telhado são mais adequados para a sua casa? Entender quais são os modelos é um meio efetivo de garantir que a sua escolha será bem direcionada para o tipo de projeto, garantindo a estética da edificação e protegendo o interior contra intempéries, chuvas e tempestades.

Entre os diversos tipos de telhados existentes, separamos ao longo deste texto, 5 modelos principais para você entender para que tipo de construção eles são mais adequados e quais as suas características. Dessa forma, temos certeza que você tomará a decisão correta para o seu projeto!

1. Embutido

Esse é um dos tipos de telhados mais populares que existem. Por isso, ele é o queridinho entre as opções de projetos e muitas pessoas acabam preferindo-o por ser esteticamente bonito e por ser capaz de valorizar a obra, já que ele exige menos madeiramento que as demais possibilidades de cobertura.

Dessa forma, os telhados embutidos acabam sendo muito mais fáceis de construir, trazendo mais segurança e acessibilidade para os moradores, podendo inclusive ser usado como terraço para a edificação.

Existem duas opções de projetos de casas com telhado embutido, com placas pré-moldadas para a cobertura ou com telhas. No caso da segunda alternativa, é necessário realizar a instalação de uma calha para o escoamento da água, evitando que ela se acumule e cause problemas com infiltrações ou goteiras.

Assim, esse estilo de telhado embutido tem menor inclinação, possibilitando o uso de telhas mais simples, já que aquelas que elas ficam escondidas pela platibanda — que é uma pequena parece que vai além do telhado da casa, escondendo o restante da cobertura.

Dessa forma, quem deseja investir nesse tipo de telhado para o seu projeto, o preço médio dele é de R$100,00 m². Porém, isso pode variar dependendo dos tipos de telhas que forem escolhidas para a reforma ou construção, além da mão de obra contratada.

2. Água

Esse nome é dado para a característica da cobertura que classifica os tipos de telhado com a função e inclinação adequada para seja capaz de escoar a água das chuvas. Assim, existem várias formas de aplicar essa cobertura nas edificações, que podem variar de acordo com o tamanho e formato do projeto.

Aparente uma água

O aparente uma água, ou meia água, é o modelo mais simples, além de ser também o tipo de telhado aparente mais barato, já que exige menos estrutura para sustentar o seu peso. Assim, essa cobertura geralmente é apoiada sobre oitões laterais e é uma ótima solução para casas pequenas, já que dispensa a necessidade de realizar várias inclinações e pontos de quedas d’água.

Duas águas

O duas águas, ou duas quedas, como também é conhecido, é a forma mais popular e tradicional de telhado. Esse modelo pode ser dividido ao meio pela cumeeira ou até mesmo ter uma das suas laterais maiores que a outra.

Por isso, existem duas opções, o tipo cangalha, onde o centro da cobertura é o ponto de encontro das duas partes do telhado, ou o tipo americano, onde uma parte será mais alta por conta de uma elevação.

Aparente três águas

O modelo aparente três águas surge em formação triangular e é um pouco mais complexo que os tipos anteriores. Ele é uma ótima opção para casas maiores, exigindo um escoamento melhor, já que os seus três pontos de inclinação são capazes de agilizar esse processo. A principal característica desse modelo é que a cumeeira central e dois espiões formam um triângulo — que geralmente é direcionado para a frente da edificação.

Quatro águas

E por último, mas não menos importante, o telhado quatro águas. Ele é bastante conhecido quanto o modelo de duas águas e, apesar de ser uma opção mais comum, ele é utilizado com frequência nos projetos atuais. Isso acontece porque ele é muito versátil, providenciando um escoamento mais rápido.

3. Aparente em L

O aparente em L é um dos tipos de telhado em um formato diferenciado, com inúmeras possibilidades criativas para planejar a cobertura ideal de uma edificação. Ele é uma ótima opção para casas pequenas que foram construídas próximas de um muro ou outra construção. Dessa forma, é possível aproveitar o paredão para puxar toda a estrutura do telhado.

Geralmente, a construção desse modelo de cobertura costuma exigir água furtada para que o escoamento ocorra normalmente sobre a cobertura, podendo ser com meia ou três quedas.

4. Telhado verde

Apesar de ser bastante comum o uso em topos de edifícios, esse é outro dos tipos de telhado que podem ser instalados em coberturas residenciais. Dessa forma, ele é um modelo ideal para trazer um visual diferente para as edificações, além de ser uma opção ecológica para quem procura por soluções sustentáveis para o seu projeto.

Nele, é possível plantar grama ou vegetação, reduzindo o impacto ecológico que muitos projetos de construção civil têm no meio ambiente. A sua instalação pode ser um pouco complicada, já que ela precisa ser feita sob uma laje impermeabilizada que receberá algumas camadas de cinasita e de terra.

Além disso, o conhecimento em paisagismo é necessário para que o telhado receba os cuidados necessários para continuar encantando os moradores e as pessoas ao redor!

5. Telhado sobreposto

O modelo sobreposto é um dos tipos de telhados aparentes mais adorados pelo público. O seu formato implica em diferentes alturas, que acabam se sobrepondo e, consequentemente, criando níveis diferentes para a sua cobertura.

Assim, acaba não existindo nenhuma regra clara sobre quantas e quais tipos de queda d’água usar em um telhado sobre o outro, o que é muito versátil, permitindo a mescla de vários formatos de inclinações para deixar o projeto mais moderno possível.

Pronto, agora você já conhece os principais tipos de telhados e está pronto para escolher a melhor opção para a sua casa! Para isso, é preciso considerar as telhas que serão usadas durante o projeto, já que o peso do material pode interferir diretamente na forma da sua cobertura. Por isso, procure analisar bem esse aspecto para garantir o sucesso de sua obra!

Por falar em materiais de telhas, aproveite para conferir o nosso outro artigo e conheça 4 tipos de telhados ecológicos para valorizar o seu projeto!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.