Por que o uso de telhas de amianto em casa não é recomendado?

 As telhas de amianto (asbesto) já foram muito populares nas obras aqui no Brasil. Afinal, era um material relativamente barato e de fácil manuseio. No entanto, com o tempo, muitos trabalhadores das fábricas dessas peças acabaram contraindo doenças pulmonares muito graves, como a fibrose e o câncer. Então, muitas dúvidas foram lançadas sobre sua segurança para o uso em construções.

Essa preocupação é muito relevante, pois os empreendimentos mais sérios não querem expor seus clientes ao risco. Por essa razão, preparamos este post para explicar melhor por que o amianto não é recomendado nas casas. Se você quer saber mais, acompanhe!

Quais os perigos das telhas de amianto?

O amianto é um material bastante polêmico na indústria da construção. Ele foi utilizado durante anos em muitas residências, mas as evidências de que ele causava mal à saúde se tornaram muito frequentes e os órgãos governamentais começaram a lançar alertas sobre sua segurança. No entanto, ele nunca foi proibido, pois há quem alegue que ele só faz mal quando a pessoa o inala em grandes quantidades. Esse é o caso dos trabalhadores das minas de amianto.

Mesmo assim, desde então, os melhores projetos de construção evitam completamente o material em qualquer estrutura. Afinal, ninguém quer correr o risco de estar ligado a substâncias perigosas. A seguir, vamos falar sobre os principais problemas de saúde que o abesto pode causar:

Câncer de pulmão

Esse é a consequência mais grave da exposição ao amianto. Nos casos relatados na medicina, ele causa o tipo mais agressivo de câncer de pulmão, o que praticamente reduz as chances de cura a níveis bem baixos. De acordo com uma pesquisa no Jornal de Oncologia Molecular, cerca de 61% das neoplasias de pulmão causadas pelo asbesto eram localizadas no lobo superior do pulmão.

Esse tipo de tumor demora bastante para apresentar sintomas, então a pessoa só é diagnosticada nos casos já avançados com pequena margem de tratamento.

Asbestose

Essa doença recebe o nome devido à própria substância, sendo a consequência mais frequente do uso do amianto. Com o tempo, as células funcionantes do pulmão são substituídas por colágeno em um processo conhecido como fibrose. Isso dificulta a capacidade do pulmão se expandir e oxigenar o sangue.

Câncer na pleura

Conhecido tecnicamente como mesotelioma, ele acomete a camada que reveste o pulmão. É um câncer muito raro e praticamente só ocorre em pessoas expostas ao asbesto. Ele é bastante agressivo e o tratamento é bastante complicado.

Quais são as melhores alternativas às telhas de amianto?

Atualmente, no mercado, há diversas alternativas ao amianto. Então, não devemos correr o risco de utilizar esse material nos nossos projetos. Afinal, estamos submetendo as pessoas a um risco evitável. Por essa razão, preparamos um post com as melhores alternativas!

Telhas de fibrocimento

Algumas telhas de fibrocimento são bastante semelhantes às de amianto, mas não contém nenhum traço da substância. Isso as torna totalmente seguras para o uso. Elas podem ser fabricadas a partir de vários materiais: cimento com PVC, cimento com fibra de vidro etc. Suas principais vantagens são a leveza, a facilidade de instalação e a versatilidade. No entanto, ainda há aquelas opções com amianto. Portanto, será preciso que você tome bastante cuidado na hora de escolher.

Telhas de cerâmica

As telhas de cerâmica são um dos modelos mais utilizados nas construções no Brasil. Em relação à saúde, elas são extremamente seguras, além de oferecer outros benefícios para os projetos. Elas são fáceis de encontrar, bonitas e oferecem um excelente conforto térmico. No entanto, elas tem desvantagens consideráveis, como:

  • são muito mais difíceis de instalar, pois demandam um encaixe perfeito, peça a peça. É a pressão que uma faz sobre a outra que as mantêm fixadas nos telhados;
  • por esse mesmo motivo, apresentam uma manutenção difícil. Se uma peça se quebra, é preciso desencaixá-la das demais e montar parte do telhado novamente;
  • o material não é tão resistente a quebras quanto as telhas metálicas e o fibrocimento.

Telhas metálicas

As telhas metálicas sofriam uma resistência muito grande nos projetos residenciais e comerciais, tendo sido reservadas principalmente para os industriais. Isso se devia a dois problemas principais: elas eram esteticamente simples e não apresentavam um potencial de isolamento termoacústico grande.

Nos últimos anos, esse cenário mudou. Muitas fabricantes têm desenvolvido opções esmaltadas de diversas cores. Além disso, elas podem ser acopladas às mantas térmicas e oferecer um isolamento comparável às demais.

Telhas ecológicas

Entretanto a opção mais moderna são as telhas ecológicas. Elas estão de acordo com todos os princípios da sustentabilidade. Além de serem excelentes para o meio ambiente, há o benefício de serem uma excelente fonte de marketing. Cada vez mais pessoas estão optando por empresas ecologicamente conscientes, então essa é uma excelente forma de melhorar a imagem dos seus projetos.

As melhores fabricantes de telhas ecológicas trabalham com fibras vegetais recicladas. Todo o processo de produção respeita o meio ambiente de ponta a ponta. A fábrica brasileira da Onduline, por exemplo, é equipada com procedimento de tratamento de gases poluentes e também toda a água utilizada nos processos é reutilizada. É a sustentabilidade completa.

Outra vantagem delas é a leveza: elas são 12 vezes mais leves do que as telhas de cerâmica e 4 vezes mais leve do que as telhas de fibrocimento. Ou seja, é muito mais praticidade durante a execução da obra. Isso também deixa o peso total do telhado menor, o que demanda menos material para a construção das vigas de sustentação.

Além disso, elas são maleáveis e não sofrem processos de quebras. Assim, você reduz os custos pela diminuição da perda de materiais. Também, são resistentes a quedas de objetos, o que aumenta a vida útil dos equipamentos, além de prevenir as goteiras e as infiltrações.

A troca das telhas de amianto pode ser um processo muito simples e rápida. Para isso, você deve escolher a telha certa para o seu projeto de reforma. Em geral, as cerâmicas demoram mais para serem instaladas e podem demandar a implementação de novas estruturas de sustentação. As telhas maiores, como as de fibrocimento e as ecológicas, são mais fáceis e podem aproveitar grade parte da instalação anterior.

Quer conhecer esses e outros tipos de telhas que oferecem o máximo de conforto térmico para a sua casa? Então, não deixe de conferir nosso post sobre o assunto!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.