Telha esmaltada X Telha pigmentada: entenda as diferenças

Optar por uma telha esmaltada ou uma telha pigmentada pode trazer resultados completamente diferentes para a sua cobertura!

Imagem ilustrativa de telha esmaltada (esquerda) e telha pigmentada (direita)

Foto: telha esmaltada (esquerda) e telha pigmentada (direita).

A cor do telhado pode ser o diferencial de um projeto, dando personalidade e estilo à cobertura. Para fazer uma boa escolha estre os tipos de telhas coloridas, é importante entender o processo de coloração das peças.

Entenda as principais características e diferenças entre a telha esmaltada e a telha pigmentada e faça uma boa escolha!

Cor no telhado: vale a pena apostar?

O telhado é uma das partes mais importantes de um projeto. Afinal, além de garantir a proteção e o isolamento do ambiente interno, ele tem um papel estético fundamental, influenciando o estilo da construção.

A cor do telhado também impacta no estilo do projeto e pode dar mais personalidade ao imóvel, dependendo da escolha.

Para escolher a cor ideal para o telhado, é preciso analisar tons e comparar algumas combinações. Como regra, claros vão bem com claros e escuros vão bem com escuros, ou seja, telhado escuro, edificação escura, telhado claro, edificação clara.

A combinação de tons mais claros, como pérola, bege e marfim, é ideal para imóveis mais claros. Caso contrário, a harmonia do projeto pode ser prejudicada. Da mesma forma, a escolha de cores vibrantes, como azul, amarelo e verde, pedem uma arquitetura mais básica, caso contrário o aspecto final pode se tornar cansativo.

Antes de escolher a cor do telhado, vale a pena conversar com seu arquiteto para avaliar a paleta de cores do projeto, como um todo. O importante é aliar estética e funcionalidade em todos os itens do projeto, inclusive no telhado.

Telha esmaltada: proteção, durabilidade e cor

A telha esmaltada nada mais é do que uma telha que recebeu uma aplicação de resina acrílica. Essa técnica é bastante utilizada em telhas de cerâmica, pois auxilia na impermeabilização desse material.

Além de possibilitar diferentes cores, o esmalte melhora a durabilidade das telhas de barro, tornando-as mais resistentes.

Um dos pontos negativos das telhas de cerâmica é justamente a porosidade, que favorece o acúmulo de umidade e fungos. Isso faz com que o telhado se deteriore mais rapidamente e exija manutenção constante.

Com a telha esmaltada, além de mais estilo para o telhado, a cobertura ganha  uma camada extra de proteção, que reduz a ação danosa da umidade. Assim, o telhado ganha mais resistência à ação da água, com menos risco de rachaduras e quebras e, claro, menos infiltração e vazamentos. Como a telha esmaltada é resistente ao calor, o conforto térmico também é preservado.

As telhas esmaltadas podem ser encontradas em diversas tonalidades. No entanto, antes de decidir, vale a pena pesquisar sobre outras formas de coloração de telhas e as suas características.

Telha pigmentada: leveza e cor por mais tempo

A telha pigmentada também é um tipo de telha colorida. No entanto, o processo de coloração é bem distinto da telha esmaltada, o que acaba resultando em características diferentes no produto final.

O processo de pigmentação envolve a aplicação de uma camada de tinta em pó com aquecimento em altas temperaturas. Como resultado, a cor adere totalmente à telha, evitando a descamação e o desbotamento.

Diferentemente da telha esmaltada, a telha pigmentada também tem uma boa durabilidade, com a vantagem de que a cor se mantém na peça por muito mais tempo.

Diferentes modelos de telhas podem usar a técnica da pigmentação como alternativa para ganhar cor.

Telha Ecológica Premium Onduvilla by Onduline

Foto: Telha Ecológica Premium Onduvilla by Onduline. Processo de coloração por pigmentação.

As telhas ecológicas, por exemplo, são pigmentadas. No processo de pigmentação, elas recebem uma camada de betume e, em seguida, são protegidas por uma resina especial. Algumas marcas do mercado, contam com pigmentação dos dois lados e são ideais para projetos de construção sem forro, como as telhas Onduline.

Além de coloridas, as telhas ecológicas também são mais leves do que as telhas de barro esmaltadas, o que acaba trazendo menos custos para o projeto, uma vez que não é preciso investir em uma estrutura robusta, nem em forros especiais.

Telha esmaltadas versus telha pigmentada: como escolher?

A escolha do tipo de telha para a cobertura não é apenas um detalhe. Afinal, além de influenciar na estética do projeto, os tipos de telha também impactam no orçamento da obra.

As telhas de cerâmica esmaltada, por exemplo, podem ter um preço unitário menor do que outros tipos de telhas pigmentadas. No entanto, é preciso considerar que, devido ao peso da telha esmaltada de barro, o custo com a estrutura, por exemplo, será maior.

A telha pigmentada, por outro lado, conta com modelos específicos e, em alguns casos, as cores também são mais restritas.

Para quem busca durabilidade e pouca manutenção, sem dúvida, a telha pigmentada oferece mais vantagens do que a telha esmaltada.

Na hora de construir ou reformar, um dos maiores erros é analisar apenas o custo do material. Cada item deve ser avaliado não apenas pelo preço unitário, mas também em razão das suas características e aplicações. Economia na construção civil não se faz apenas com números. Quando o assunto é material de construção, o custo-benefício pode vir da durabilidade, do visual do diferenciado, do tempo de garantia do material etc.

Para quem está construindo ou reformando, pesquisar, falar com que entende e contar com a assessoria de profissionais especializados é o melhor caminho para realizar o projeto que você sempre sonhou, com um custo e execução que sejam viáveis.

Agora que você já sabe as diferenças entre a telha esmaltada e a telha pigmentada, conheça alguns tipos de telhas que não esquentam o ambiente!

Deixe um comentário