Reforma do Telhado: 3 segredos para evitar goteiras e infiltrações

A reforma do telhado está no topo da sua lista de manutenção doméstica? Se não está, deveria. O telhado da sua casa oferece uma linha de defesa contra o vento, a chuva, o granizo e o calor – inúmeros riscos climáticos que contribuem para a deterioração da cobertura.

Esses danos são preocupantes, já que um telhado com infiltrações e goteiras pode causar muitos transtornos: danificar a rede elétrica da sua casa, estragar móveis e objetos pessoais e, pior do que isso, colocar em risco a segurança e a saúde da sua família.

As principais causas dos problemas de um telhado estão ligadas a má conservação da madeira e das telhas que compõem a estrutura – como qualquer outra parte da sua casa, esses materiais requerem inspeção, manutenção e reparo regulares. Com uma manutenção adequada, seu telhado pode durar mais de três décadas!

Reforma do Telhado: 3 segredos para evitar goteiras e infiltrações

Quer conhecer três segredos para evitar goteiras e infiltrações? Continue lendo!

1. Entender se é caso de reforma do telhado ou só de pequenos reparos

Antes de partir para a reforma do telhado, é preciso avaliar o estado de conservação da cobertura. Assim, será possível avaliar se é preciso substituir completamente o seu telhado ou se apenas alguns reparos são suficientes:

  • O seu telhado parece velho? Telhados antigos, sujos ou descoloridos podem precisar apenas de uma limpeza. No entanto, a descoloração pode ser um sinal de danos causados por uma infiltração, o que pode exigir uma reforma completa;
  • Seu telhado apresenta manchas e infiltrações? Se você está lidando com uma cobertura que apresenta vazamentos a cada temporada de chuva, não pense duas vezes: chegou a hora da reforma do telhado;
  • A sua casa apresenta problemas para se manter aquecida? Se a construção apresentar muitas saídas de ar, pode ser interessante renovar o telhado e melhorar o isolamento térmico.

Se o telhado estiver em bom estado de conservação, pequenos reparos podem ser suficientes para manter a cobertura funcional. Verifique se há telhas quebradas ou soltas. Se for esse o caso, troque as peças quebradas e faça os ajustes necessários. Também é importante limpar as calhas, entupimentos ou sujeiras que podem causar goteiras e infiltrações.

2. Escolher a melhor telha para a reforma do telhado

Se você verificar que pequenas reformas não são suficientes, será preciso reformar o seu telhado.

A escolha da telha ideal é a decisão mais importante na reforma do telhado, uma vez que esse material afetará a aparência e o desempenho de toda a estrutura. A telha escolhida também influenciará o custo total da obra.

Há muitos materiais disponíveis no mercado, mas antes de comprar lembre-se de considerar o local da construção e o ângulo do telhado. Também é importante avaliar:

  • Conforto térmico: telhas ecológicas retêm pouco calor e não retêm umidade, por isso proporcionam um excelente conforto térmico. Ao escolher a telha também é importante observar a cor do material: cores escuras como o preto e o marinho retêm mais calor e devem ser usadas em regiões frias. Já as cores claras, como o branco e o bege, absorvem pouco calor e são escolhas ideias para regiões quentes;
  • Durabilidade do material: telhas de barro e de concreto são duráveis, resistentes e apresentam grande resistência à umidade. A telha ecológica também é uma boa opção nesse quesito, pois é uma cobertura muito durável, com garantia de cerca de 15 anos;
  • Economia: A telha de fibrocimento está entre as opções de telhas mais baratas, no entanto as telhas cerâmicas, as telhas de PVC e as ecológicas também oferecem preços atraentes. Telhas plásticas, metálicas e ecológicas são mais leves que as telhas cerâmicas. Isso significa que esses materiais permitem construir um telhado utilizando menos madeira. Ou seja, um telhado mais leve é mais barato e fica pronto mais rapidamente do que um telhado feito de telhas cerâmicas, que são mais pesadas;
  • Versatilidade: As telhas metálicas e as telhas de policarbonato são maleáveis, o que as tornam as coberturas ideias para estruturas de metal. Já as telhas de fibrocimento podem ser dimensionadas e cortadas de acordo com o projeto, o que agiliza a instalação.

3. Analisar a estrutura de madeira do telhado

Para que a sua casa exiba um telhado bonito e funcional é importante que a estrutura de madeira esteja intacta – trincas, mofos e rachaduras na estrutura podem deslocar as telhas de lugar, causando infiltrações e goteiras.

A integridade da estrutura de madeira também afetará o escoamento da água, por isso a reforma do telhado deve ser bem executada, o que impossibilitará a formação de poças e infiltrações.

A madeira para telhado usada na reforma do telhado deve ser durável, o que equivale a dizer que a estrutura não deverá apodrecer com facilidade quando exposta à luz do Sol, ao vento e às chuvas.

Também é preciso escolher uma madeira que não será atacada por cupins. Esses insetos são capazes de corroer toda a estrutura de madeira, comprometendo a integridade do material e como consequência, colocando o telhado em risco de apresentar infiltrações ou até mesmo ceder.

Alguns tipos de madeira são naturalmente resistentes aos cupins como a Peroba-do-Campo, o Ipê, a Peroba, o Sucupira e o Jacarandá.

A sua casa é o seu maior bem. Por isso, deve estar sempre em bom estado de conservação. Goteiras e infiltrações colocam em risco o bem-estar da sua família e a integridade da sua casa.

Então, ao reformar o seu telhado procure sempre materiais de qualidade, como as telhas ecológicas, e conte com profissionais capacitados e capazes de oferecer as melhores soluções para a reforma da sua casa.

Agora você já sabe os segredos para evitar goteiras e infiltrações na reforma do telhado. Que tal conhecer os 6 motivos para escolher a telha ecológica?

Deixe um comentário