3 dicas essenciais para um telhado leve e resistente

A cobertura é um aspecto importante em qualquer projeto de arquitetura, uma vez que possui alta representatividade tanto nos custos quando no tempo de obra. Por isso, optar por um telhado leve e resistente é a solução ideal para quem deseja economizar tempo e dinheiro sem abrir mão da qualidade.

Imagem ilustrativa de telhado leve e resistente

Sim! Ao contrário do que se imagina, telhados leves não são sinônimos de fragilidade ou de baixa durabilidade. Tomando alguns cuidados simples, é possível fazer uma cobertura com materiais menos densos sem que isso represente qualquer diminuição na vida útil da construção. Quer saber mais? Acompanhe a leitura!

Aspectos fundamentais para um telhado leve e resistente

Se a ideia é utilizar uma solução de cobertura que seja segura sem que isso signifique gastos excessivos com material e mão de obra, você deve ficar atento a três fatores importantes:

1. Modelos de telhado leve e resistente

Para garantir que a cobertura do seu projeto seja leve e resistente, e tenha alta durabilidade, é importante levar em consideração o modelo de telhado.

Telhados de uma água, que possuem apenas uma direção de escoamento da chuva, são mais leves porque utilizam menos madeiramento na estrutura do que aqueles com mais águas e carga maior. Além disso, são econômicos, já que os gastos com a utilização de telha e mão de obra também são reduzidos devido à sua menor complexidade.

Imagem ilustrativa de telhado de uma água

O mesmo acontece com os telhados embutidos, que também exigem menos madeiramento quando comparado às coberturas aparentes. No entanto, sua utilização também apresenta desvantagens: além de não ser tão interessante do ponto de vista estético, sua estrutura inviabiliza o acesso ao telhado para a realização de manutenções da parte elétrica e, quando feito com telhas de fibrocimento, pode aquecer demais os ambientes.

Seja qual for o modelo escolhido por você, é importante estar atento também ao tipo de estrutura utilizada. Caso opte pela madeira, verifique a qualidade do material para garantir a segurança do imóvel e evitar imprevistos.

 

Se estiver reformando, lembre-se de que madeiras apodrecidas e úmidas precisam ser substituídas por outras em bom estado de conservação, que devem ser protegidas como um produto impermeabilizante para prolongar sua vida útil.

Outra opção interessante para dar mais leveza ao telhado, sem abrir mão da resistência, é instalar a cobertura sobre estruturas metálicas. O material garante que um telhado leve e resistente, mais até do que a madeira.

2. Tipo de telha

Outro cuidado importante para quem busca um telhado leve e resistente diz respeito à escolha das telhas para a cobertura.

Telhas de fibra vegetal, por exemplo, são até cinco vezes mais leves quando comparadas às telhas de outros materiais, o que proporciona redução no custo total do projeto, desde as ferragens da fundação até o madeiramento da cobertura, que pode ser menos robusto nesses casos.

Imagem ilustrativa de telha de fibra vegetal Onduline

Além disso, telhas de fibra vegetal garantem transporte, estocagem, manuseio e instalação mais rápidos e fáceis, o que diminui a quantidade de entulho e sujeiraproporcionando uma cobertura mais econômica.

Outra vantagem da utilização das telhas ecológicas diz respeito ao seu desempenho térmico. Esse tipo de material proporciona ambientes até dois graus mais frios quando comparado às coberturas de fibrocimento de 5 mm. Ou seja, além de obter um telhado leve e resistente, você ainda diminui os gastos com energia elétrica para climatização dos ambientes.

Telhas mais leves também diminuem os custos com manutenção periódica devido às quebras, rachaduras ou deslocamentos de telhas, problema comum em telhados com telhas de cerâmica, por exemplo.

Quando bem fixado, o material oferece excelente resistência contra ventos e intempéries, garantindo um telhado leve e resistente. Em testes de túnel de vento, as telhas de fibra vegetal resistiram a ventos de até 290 km/h quando instaladas sobre estruturas de madeira e até 318 km/h sobre estruturas metálicas.

3. Instruções de instalação do fabricante

Na hora de construir ou reformar, pouco ou nada adianta optar por estruturas mais leves e material resistente se a instalação não for realizada da maneira adequada.

Embora coberturas leves como a telha ecológica apresentem alta durabilidade, sua instalação tem peculiaridades que devem ser estritamente observadas.

Para evitar que essas telhas voem ou se desloquem, por exemplo, é essencial utilizar fixadores próprios para esse tipo de material e sempre na quantidade recomendada pelo fabricante.

Imagem ilustrativa de fixadores de telha Onduline

Além disso, é fundamental seguir fielmente as especificações técnicas no que diz respeito à inclinação da cobertura e à sua estrutura para garantir um telhado leve e resistente.

Diferentemente do que acontece com as telhas de fibrocimento, as telhas ecológicas necessitam, na maior parte dos modelos, de inclinação mínima de 18%. Dessa maneira, você garante um telhado leve e resistente, livre de vazamentos e infiltrações.

No que diz respeito à estrutura de madeira do telhado, telhas de fibra vegetal pedem a utilização de ripões com distância de 45 cm e de 1 m entre os caibros, com bitolas mínimas do caibro de 5 cm por 6 cm e de ripões de 2,5 cm por 5 cm.

Caso a estrutura seja metálica, é importante consultar um profissional especializado para que ele realize os cálculos estruturais da cobertura, sempre respeitando o espaçamento mínimo de 45 cm entre os perfis.

Além disso, materiais leves como a telha ecológica também exigem atenção especial na ancoragem da estrutura do telhado às paredes de sustentação.

Caso as instruções sejam seguidas adequadamente, esse tipo de material apresenta alta durabilidade e excelente resistência mecânica, o que permite sua utilização também em estruturas arqueadas.

Na maior parte dos casos, problemas com a durabilidade dos telhados ecológicos não estão relacionados ao seu peso ou qualidade, mas à instalação inadequada da telhas de fibra vegetal.

Como você pode ver, na hora de escolher a sua cobertura, além de questões estéticas, é essencial que você esteja atento a esses aspectos para garantir um telhado seguro, que ofereça proteção ao imóvel e a seus ocupantes.

Agora que você já sabe quais são as dicas essenciais para um telhado leve e resistente, aproveite para descobrir 7 fatores indispensáveis para realizar uma reforma sem dores de cabeça!

2 Respostas
    1. Equipe Coberturas Leves

      Olá Felix.

      Nossos produtos são vendidos em home centers e lojas de materiais de construção em todo o Brasil e os preços variam de acordo com cada região do país. Para descobrir o local de venda mais próximo da sua casa e consultar os preços por favor acesse a seção “Onde Comprar” do nosso site: https://br.onduline.com/onde-comprar-onduline

      Obrigado pelo interesse!

Deixe um comentário